BiNeural Monokultur


BiNeural-MonoKultur

 

Companhia fundada em 2004 composta pelos diretores e dramaturgos Ariel Dávila (Argentina) + Christina Ruf (Alemanha). Trabalham em colaboração com artistas e especialistas em outras disciplinas criando projetos em artes cênicas.
Os processos de pesquisa formam uma parte importante de seus projetos, que se interessam fundamentalmente por formatos e procedimentos onde o fato cênico seja uma experiência, tanto em espaços teatrais como em espaços não convencionais. Em seus projetos, tratam de romper a difusa fronteira que há entre a realidade e a ficção. Tem como interesses a tecnologia, o performático e as ciências como ferramentas artísticas.

Sua primeira experiência como grupo ocorreu no início de 2004 quando foram convidados pelo grupo alemão Rimini-Protokoll para participar do ciclo "Mit Kopfhörer und Feldstecher" ('Com fones de ouvido e binóculos'), organizado pelo teatro Hebbel (Berlim, Alemanha). O público ficava no segundo andar de um edifício e acompanhava a performance que se desenvolvia na rua com binóculos e fones de ouvido. A performance era um Talk Show com caçadores de Berlim.

 

Receberam as seguintes bolsas:
Bolsa para projetos grupais / Fundo Nacional das Artes (2010)
Bolsa para projetos grupais / Fundo Nacional das Artes (2006)

Foram convidados para as seguintes residências artísticas, simpósios e encontros:

El Ranchito / Matadero Madrid
(Madri, Espanha. Outubro – dezembro de 2011)
Em conjunto com Cecilia Pérez-Pradal / Cía Puctum
El Ranchito é um projeto de pesquisa e criação promovido por Matadero Madrid. Leia mais... (em espanhol e inglês)
Durante a residência o BiNeural-MonoKultur criam em colaboração com Cecilia Pérez-Pradal a obra) "Conectados (um projeto de teatro documentário)".

Phronesis Criolla - Demolición/Construcción
(Córdoba, Argentina. Maio + Junho de 2011)
Coordenado por Graciela de Oliveira e Soledad Sánchez Goldar
"Phronesis criolla" propõe gerar encontros interdisciplinares para refletir sobre o presente dos ex-centros clandestinos de detenção durante a ditadura argentina em Córdoba e colaborar mediante oficinas e residências artísticas. →Leia mais (em espanhol)

Nau Côclea
(Camallera, Catalunha / Espanha. Janeiro de 2010)
Em conjunto com Meret Kiderlen.
Nau Côclea é um centro onde são produzidos e apresentados projetos de pesquisa e criação contemporânea. Durante a residência o BiNeural-MonoKultur começam a desenvolver em colaboração com Meret Kiderlen a obra "homo-migrator.www", que pertence à série de "Virtual Performances – laboratório para teatro virtual".


Encontros AvLab
(Córdoba, Argentina. Setembro de 2011)
Gerado no ano de 2006 no Media-la-Prado, de Madri, e realizado paralelamente no Brasil, Espanha e Argentina, os encontros AVLAB surgem com a ideia de dividir conhecimentos, críticas e opiniões sobre o processo criativo e de produção artística.
Em Córdoba, os encontros AVLAB contam com o apoio logístico do Centro de Cultura de Espanha local e tem como curador e coordenador geral Daniel González Xavier.


Metacrónicas de actualidad
(Córdoba, Argentina. Setembro 2010)
Ciclo de ações críticas e performances multimídia coordenado pelo artista sonoro e produtor cultural brasileiro Daniel González Xavier e pelo desenhista e artista visual francês Raphaël Larre, com a participação de representantes da cena artística e cultural de Córdoba.


Simposio Transacciones Filosóficas
(Córdoba, Argentina. Abril del 2007)
Organizado por Uqbar Foundation: em co-produção com o Museu Astronômico de Córdoba e o centro de pesquisa Cepia da Universidade Nacional de Córdoba.
O projeto explora a noção de representação nas artes e nas ciências convocando prestigiados cientistas, historiadores e artistas visuais do país para um intercâmbio, bem como convidados estrangeiros.Leia mais (em espanhol) .